Buscar
Colaborar
  • Você não tem favoritos.

Quer conhecer:0 lugares

Entrar

Prefeitura divulga boletim dos casos de dengue no mês de janeiro

A Prefeitura de Mariana, por meio da Secretaria de Saúde, divulga as estatísticas dos casos de dengue e chikungunya no município, durante o último mês. Entre os dias 1º e 31 de janeiro, foram registrados 310 casos confirmados de dengue na cidade. 

Desses, 278 casos são autóctones, que foram contraídos e diagnosticados no município. Os outros 32 casos são importados, contraídos em outras localidades e diagnosticados nos serviços de saúde municipais. Foram registrados dois casos autóctones e um caso importado de Chikungunya, totalizando três casos.

Ações de combate ao mosquito

Agentes de Combate às Endemias atuam na sede e nos distritos. Além das visitas periódicas, quando algum caso é notificado, os agentes fazem uma varredura na residência do paciente e imediações, combatendo os focos do mosquito. É feito o uso de larvicidas para reservatórios e recipientes com água, a pulverização de inseticidas, quando recomendado, no interior dos imóveis e quintais, além das orientações e recolhimento de materiais para descarte.

A população pode colaborar no combate ao mosquito ao separar, ao menos, 10 minutos semanalmente para verificar a presença de possíveis focos do Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela. Também deve receber os agentes de saúde e endemias. Denuncias sobre focos nas ruas ou na vizinhança, devem ser feitas no Combate a Endemias, pelo telefone (31) 3558-2319. Lotes sem capina, com mato alto também são um risco e podem ser denunciados à Fiscalização de Posturas, pelo número 153 da Guarda Civil.

Fique atento aos sintomas

Pode ser um quadro clinico para a dengue, chikungunya ou zika, febre alta, dores no corpo e articulações, cansaço, fraqueza, dores nos olhos, erupção e coceiras na pele, desta forma, o paciente deve procurar a Unidade Básica de Saúde de referência. Diante dos sintomas, a recomendação é por não fazer a automedicação e ir médico.

- PUBLICIDADE -

Espaço Publicitário

Anuncie!

0
Fechar

Seu carrinho